Um Mix

Oh! Meu General!

Posted on: fevereiro 7, 2010

O general Raymundo Nonato de Cerqueira Filho, indicado para ocupar uma vaga de ministro do Superior Tribunal Militar (STM), já chegou causando. Ele disse que soldados não obedecem a comandantes homossexuais e que as atividades desempenhadas pelas Forças Armadas não são adequadas a homossexuais. “Talvez tenha outro ramo de atividade que ele (o militar homossexual) possa desempenhar”, afirmou.

Esse babado todo começou na terça-feira passada, durante uma audiência na Comissão de Constituição e Justiça do Senado, quando o general, sósia do professor Raymundo (aquele da escolinha), foi surpreendido com a pergunta dos senadores Demóstenes Torres (DEM-GO) e Eduardo Suplicy (PT-SP): “Vossas excelências são favoráveis ao ingresso de homossexuais em qualquer das forças e acham que essa polêmica tem razão de ser?”.

Aguinaldão Silva, nosso amigo, postou no blogão: “O General Raymundo Nonato de Cerqueira Filho, cuja opinião sobre os homossexuais é que eles não podem entrar no exército porque não estão preparados para comandar, precisa urgentemente ser apresentado a Karl Lagerfeld, pois só aí ele terá conhecido um general de verdade: um homem que comanda com mão de ferro não apenas um batalhão ou um quartel, mas todo o exército da Chanel – um império inteiro”.


Essa polêmica – E por que será que o homossexualismo vive cercado de mitos e polêmicas, hein? – já vem de longa data. Não faz muito tempo que assistimos aquele lindo casal de militares gays, um deles cantava igualzinho à Cássia Eller, no programa da Luciana Giminez contando o drama de ser preso, torturado e etc.

E novas polêmicas surgem e sempre surgirão. Nos EUA existe uma lei que proíbe homossexuais no Exército, porém, já há discussões sobre a anulação dela. Mas  não é só o Karl Lagerfeld que comanda um império. Há uns dois séculos atrás o nosso querido Napoleão Bonaparte colocava ordem na França e, cá entre nós, tinha uma faminha bastante amistosa!

Anúncios

2 Respostas to "Oh! Meu General!"

bom, eu acho q essa coisa de opção sexual é muito pessoal.
e não interfere de forma alguma o trabalho da pessoa, se ela faz bem feito sua parte, é isso q importa neh?
jaaaah se tratando das forças armadas, se a pessoa assume sofrerá muito preconceito. basta não se ofender com as piadinhas e meter bronca nos marmanjões [não será muito dificil neh?] hahahaha
bah, mas eu sou amiga dos coloridos! o preconceito é um atraso de vidaaaaaaaaa. se vc tem preconceito com alguem, não é isso q fará esta mudar…
beijo, me ligaaaaaaaaaaa

ow igual a aquele ditado “gosto e igual a cu cada um tem o seu”
bom e essas coisa de preconceito ñ vela a nada, como a ana ali falou isso “é uma atraso de vida”
hauahaua verdade napoliao ñ tinha uma boa fama ñ
hauahauahuahauaah
tem aquela posiçao q a gentee aas vezes fica de “4” td mundo fala foi assim q napoliao perder a guerra
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
bjusss

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Quer saber?

Pode falar

Pedro leonardo em Papo de 5ª com JP (Freedo…
JESSICA M. em Andróginos X Andrógenos
Rita de Cássia Marti… em Papo de 5ª com JP (Freedo…
djonathan em O V do PV não é de Veado!
djonathan em Gays de Porto Rico querem que…

Pra crescer, basta olhar

  • 26,750 hits
%d blogueiros gostam disto: